João Fernandes despediu-se de um emprego estável e bem remunerado para fazer uma viagem durante 3 meses, que mudou a sua perspetiva sobre a vida e a carreira. Fala-nos, entre outros aspetos, das escolhas de carreira com base na emoção e sentimento e não, apenas, com base na razão.

Compartilhe este post sobre: